Solo para plantio de algodão: estratégias para maximizar o cultivo - Syngenta Digital
Solo para plantio de algodão: estratégias para maximizar o cultivo - Syngenta Digital Solo para plantio de algodão: estratégias para maximizar o cultivo - Syngenta Digital Solo para plantio de algodão: estratégias para maximizar o cultivo - Syngenta Digital Solo para plantio de algodão: estratégias para maximizar o cultivo - Syngenta Digital

Solo para plantio de algodão: estratégias para maximizar o cultivo

5 min de leitura

O Brasil está entre os países que mais investem na produção de algodão. De acordo com a Embrapa, nosso país produz mais do que consome, o que o torna um grande exportador do produto. Portanto, entender as particularidades dessa cultura […]

por Syngenta Digital
Solo para plantio de algodão: estratégias para maximizar o cultivo - Syngenta Digital Voltar
Solo para plantio de algodão: estratégias para maximizar o cultivo - Syngenta Digital
plantio de algodão para exportação

O Brasil está entre os países que mais investem na produção de algodão. De acordo com a Embrapa, nosso país produz mais do que consome, o que o torna um grande exportador do produto. Portanto, entender as particularidades dessa cultura é fundamental para obter sucesso na lavoura e gerar mais produtividade e rentabilidade para o negócio rural.

Neste artigo vamos explicar quais cuidados devem ser considerados durante o preparo do solo para o plantio do algodão. Acompanhe a seguir!

Como deve ser feito o preparo do solo para o plantio algodão?

Aprenda a seguir como preparar o solo para o plantio de algodão. Veja quais pontos merecem mais atenção para obter sucesso no resultado da lavoura!

Análise de solo

Antes do estabelecimento da cultura, o primeiro passo é realizar uma análise do solo. Assim, será possível verificar a real situação e possíveis necessidades de correções da área. O recomendado é que esse procedimento seja realizado três meses antes da semeadura.

Vale destacar que o algodão se desenvolve melhor em ambientes arenosos, drenados, com bastante argila e matéria orgânica. Além disso, é fundamental que o solo tenha nitrogênio e fósforo com concentrações moderadas.

Em geral, áreas com solo compactado ou mal drenados não devem ser uma alternativa para o cultivo. Nesse caso, o ideal é realizar ações de preparo e manejo do solo antes de realizar o plantio de algodão, além do monitoramento da safra durante todo o ciclo.

Correção do solo

Após analisar as condições do solo e identificar alguma limitação física ou química é fundamental providenciar a correção da área de plantio. Essa técnica vai ajudar a aumentar a fertilidade e corrigir a acidez do local.

A correção do solo é etapa fundamental do preparo do solo de qualquer cultura e deve ser realizada por meio de uma operação de calagem, seguindo avaliação e recomendação técnica.

Cuidado com as plantas daninhas

Como as plântulas da cultura de algodão são muito sensíveis à competição, é importante que o plantio seja estabelecido em um terreno limpo, livre da presença de plantas daninhas.

Em geral, evitar a presença de daninhas durante, pelo menos, os primeiros 80 dias após a semeadura é fundamental para garantir o crescimento e a produção de algodão.

Contudo, para garantir a qualidade final, o recomendado é manter a área de plantio limpa durante todo o ciclo. Para isso, será necessário planejar a aplicação de herbicidas nos momentos adequados como: pré-plantio, pré-emergência da cultura, pós-emergência da cultura e fase de dessecação de plantas.

Adubação na plantação de algodão

A adubação é extremamente importante para a plantação de algodão e pode ser aplicada em diferentes etapas do ciclo de vida da cultura. Na semeadura, por exemplo, a adubação pode ocorrer no sulco.

Entretanto, é fundamental seguir as recomendações de macro e micronutrientes feitas a partir da análise do solo. Já a indicação de uso no nitrogênio deve se basear na produtividade esperada e no histórico da área.

Cultivares compatíveis com a região

A escolha adequada da semente pode influenciar diretamente no estabelecimento da cultura. Nesse caso, é fundamental considerar a adaptabilidade na região de plantio, o potencial produtivo e a boa resistência a pragas e doenças.

Nesse sentido, para o produtor certificar que está fazendo a melhor escolha, recomenda-se realizar um teste de emergência antes da semeadura com a ajuda de um profissional especializado.

Espaçamento correto entre as plantas

O espaçamento entre as plantas é um fator determinante para que a cultura se desenvolva de forma saudável e produtiva. Afinal, é a partir de um espaçamento correto que a planta consegue absorver a quantidade necessária de luz, nutrientes e água.

No cultivo de algodão, recomenda-se o espaçamento de 0,76 a 0,90 metros em cada fileira. Se o produtor optar pelo cultivo adensado, o espaçamento indicado é de 0,45 a 0,50 metros.

Sistema de plantio

Em relação ao sistema de plantio, recomenda-se a técnica de plantio direto, no qual o cultivo é feito por cima da palhada seca da produção anterior. O objetivo é manter a conservação do solo e minimizar o ataque de pragas.

Para isso, utiliza-se também a rotação de culturas na fase de pré-plantio da pluma para auxiliar na estruturação do solo e na elevação da capacidade de drenagem.

Época correta para plantio

Tão importante quanto preparar o solo para o plantio de algodão e definir a época correta para plantar essa cultura.

De acordo com a Associação Brasileira dos produtores de algodão (ABRAPA), os melhores meses para plantar algodão, conforme cada região, são:

Informações meteorológicas

Caso você queira saber informações sobre as condições climáticas de cada região, veja a seguir as principais fontes oficiais de dados para o planejamento do agronegócio no Brasil:

Gostou desse conteúdo? Aproveite e leia nosso artigo sobre colheita de algodão.

Leia mais da categoria:

Cultura Manejo
7 min de leitura
enfezamento do milho

Enfezamento do milho: conheça a doença transmitida pela cigarrinha-do-milho

O milho é uma das principais culturas do Brasil, representando cerca de 40% de toda a safra de grãos. Sua produção só cresce a cada ano, muito graças ao sistema safra e safrinha que permite que ele seja cultivado mais de […]

Leia na íntegra
Manejo
4 min de leitura
adubação

Adubação: Conheça os principais tipos e como torná-los mais eficientes

A fertilidade do solo faz toda a diferença para a produtividade da safra. Usar diferentes tipos de adubação é o que permite aos produtores verem um resultado de desenvolvimento melhor de seus cultivares.   Mas, afinal, que tipo de adubação é a mais adequada […]

Leia na íntegra
Manejo Mercado e tendências
4 min de leitura

La Niña e seus efeitos na agricultura

A agricultura brasileira, depois de anos seguidos entregando resultados insatisfatórios, teve safra recorde em 2017, o que salvou o país da recessão. Mas e neste ano? Será que existe a tal La Niña que tanto falam? E ela é tão […]

Leia na íntegra