Quero parar de andar a pé, mas não preciso de uma Ferrari - Syngenta Digital
Quero parar de andar a pé, mas não preciso de uma Ferrari - Syngenta Digital Quero parar de andar a pé, mas não preciso de uma Ferrari - Syngenta Digital Quero parar de andar a pé, mas não preciso de uma Ferrari - Syngenta Digital Quero parar de andar a pé, mas não preciso de uma Ferrari - Syngenta Digital

Quero parar de andar a pé, mas não preciso de uma Ferrari

4 min de leitura

Proponho lançarmos um olhar sobre o processo de adoção de tecnologia. No agro, este fenômeno tem acontecido de forma particularmente rápida. Em um curto espaço de tempo saímos de um cenário em que a tecnologia era vista como arriscada e […]

por Syngenta Digital
Quero parar de andar a pé, mas não preciso de uma Ferrari - Syngenta Digital Voltar
Quero parar de andar a pé, mas não preciso de uma Ferrari - Syngenta Digital

Proponho lançarmos um olhar sobre o processo de adoção de tecnologia. No agro, este fenômeno tem acontecido de forma particularmente rápida. Em um curto espaço de tempo saímos de um cenário em que a tecnologia era vista como arriscada e experimental para outro, no qual prevalece a visão de tecnologia como elemento indispensável.

Aos meus olhos, a rapidez da adoção tecnológica no agro é um reflexo de que o produtor tem pressa. Há uma urgência cada vez maior em produzir mais e melhor para manter o negócio lucrativo e a tecnologia é o jeito mais rápido de fazer isso acontecer. Não há espaço para amadores, o que faz com que todas as fazendas, independentemente do tamanho ou nível de complexidade operacional, estejam buscando modernizar os seus processos.

Do outro lado, as empresas respondem a este fenômeno oferecendo tecnologias que resolvem problemas operacionais em diferentes níveis: desde ferramentas simples de controle, que apontam, por exemplo, onde e quando foi feita qualquer coleta no campo, até ferramentas robustas de gestão, que permitem comunicação com tratoristas para interferir na operação em tempo real.

Ganha a corrida pela produtividade o produtor que escolhe o fornecedor de tecnologia que compreende as etapas de um processo de adoção e oferece soluções adequadas para o tamanho dos seus problemas.

Leia mais notícias e novidades no Blog.

Vanessa Nogueira é diretora comercial da Strider*.

* A Strider agora é Syngenta Digital. A agtech mineira foi adquirida pela Syngenta em 2018, e a fusão foi concluída dois anos depois. A Syngenta Digital é parceira de milhares de produtores agrícolas pelo mundo por meio de tecnologias de gestão e tomada de decisão.

Leia mais da categoria:

6ª Edição Cultura
4 min de leitura
Sustentabilidade

Algodão sustentável e certificação

Assim como em outros setores, a  indústria têxtil está atenta às boas práticas de produção. Nos últimos anos o Brasil tem se mantido entre os cinco maiores produtores mundiais de algodão, ao lado de países como China, Índia, EUA e […]

Leia na íntegra

Entrevista com SJC

Crescimento sustentável com alta eficiência, baixo custo e produtos de maior valor agregado. É desta forma que a SJC Bioenergia pretende produzir açúcar, etanol de cana e milho e seus coprodutos nos próximos anos. Localizada em Goiás, a empresa possui […]

Leia na íntegra
6ª Edição Cultura
4 min de leitura

A influência das chuvas na cultura da soja

Hoje a principal commodity brasileira é, sem dúvidas, a soja. O sucesso do sistema de produção brasileiro é reflexo de vários fatores como genética, solos férteis, manejo e clima adequado. Destes fatores, o único em que não é possível adotar […]

Leia na íntegra