Guia das regiões agrícolas do Brasil e suas atividades | Syngenta Digital
Guia das regiões agrícolas do Brasil e suas atividades | Syngenta Digital Guia das regiões agrícolas do Brasil e suas atividades | Syngenta Digital Guia das regiões agrícolas do Brasil e suas atividades | Syngenta Digital Guia das regiões agrícolas do Brasil e suas atividades | Syngenta Digital

Regiões agrícolas do Brasil: descubra quais são as principais

4 min de leitura

Que tal conhecer as regiões agrícolas do Brasil? Neste artigo, saiba quais são e as atividades que elas exercem.

por Syngenta Digital
Guia das regiões agrícolas do Brasil e suas atividades | Syngenta Digital Voltar
Guia das regiões agrícolas do Brasil e suas atividades | Syngenta Digital
regiões agrícolas do brasil

O Brasil é uma potência quando o assunto é o agro. Isso porque, cada uma das regiões agrícolas do país desempenha papel fundamental para que as lavouras brasileiras sigam batendo recordes. De acordo com o último Censo Agropecuário, são mais de 63 milhões de hectares.

Nas últimas décadas, a agricultura tropical passou por um desenvolvimento marcante e as regiões agrícolas brasileiras experimentaram uma série de avanços. Com toda essa modernização, o agro brasileiro acabou sendo reconfigurado em espaços geográficos e nas divisões territoriais.

Quer saber mais? Então, acompanhe o conteúdo até o final e saiba como funcionam as atividades agrícolas no Brasil, além das regiões agrícolas do Brasil. Confira!

Principais atividades agrícolas no Brasil

Antes de conhecer as regiões agrícolas, é importante conhecer as principais atividades agrícolas do Brasil. Então, a agricultura foi e ainda é uma das principais atividades econômicas do Brasil, ganhando bastante espaço no país. 

Isso porque, essas atividades trouxeram diversos benefícios, como a ocupação de grande parte do território brasileiro. E para a garantia desse sucesso, muitos fatores contribuíram nesse crescimento. 

Abaixo, você conhece as principais atividades do setor agrícola no país.

  • Agricultura moderna;
  • Agricultura intensiva;
  • Agricultura extensiva;
  • Agricultura familiar;
  • Agricultura patronal;
  • Agricultura orgânica.

As regiões agrícolas do país

Uma das principais marcas da agricultura do Brasil – e também, por extensão, a pecuária – é a formação dos complexos agrícolas, desenvolvidos nas regiões que englobam os estados de:

  • São Paulo;
  • Minas Gerais;
  • Rio de Janeiro;
  • Santa Catarina;
  • Paraná;
  • Rio Grande do Sul;
  • Goiás;
  • Mato Grosso:
  • Mato Grosso do Sul.

Com essa produção de agricultores de Norte a Sul do País, é possível possibilitar que o mercado interno e externo seja abastecido. Dessa forma, levando alimentos e matérias-primas para as indústrias e os consumidores. 

Região agrícola do Sul

Mapa região sul brasil

Na região Sul, a produção agrícola é caracterizada pela expansão da soja voltada para a exportação e pela modernização agrícola. 

A produção de arroz e trigo também ganha destaque no Rio Grande e no Paraná, respectivamente. A soja e as carnes são as grandes pautas da exportação, vendidos para países do Mercosul e do Oriente Médio, China e Estados Unidos.

Agricultura da região Sul

Além disso, é importante destacar que a agricultura da região Sul desempenha um papel principal. Isso porque, a produção da soja se tornou um produto de extirpação, antes, era voltada apenas para o mercado regional.

Nos estados do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul, a produção de soja é bastante significativa. Além da soja, são cultivados o milho, a cana-de-açúcar e o algodão, assim, possibilitando monoculturas.

Região agrícola do Sudeste

mapa região sudeste brasil

Na região Sudeste, assim como na agricultura da região Sul, atividades agrícolas com uso de alta tecnologia são predominantes. Apesar de a agricultura encontrar-se mais subordinada à indústria, é importante destacar também os altos índices de produtividade e o excelente solo nesta região.

Por outro lado, com a grande presença de maquinários, a geração de empregos manuais é limitada, mas a oferta cresce nas agroindústrias.

A região sudeste é considerada a região mais forte economicamente. Ela reúne São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Espírito Santo. O Sudeste se destaca, no agropecuário, pela produção de cana-de-açúcar e de carne bovina. Cerca de 50% da cana brasileira é produzida ali.

Nesse sentido, as principais culturas cultivadas são o café, a cana-de-açúcar e a fruticultura – com ênfase para os laranjais -, além de algodão, amendoim, milho, mandioca, arroz, feijão, soja e arroz.

Região agrícola do Nordeste

mapa região nordeste brasil

A região Nordeste seja, talvez, uma das regiões agrícolas com maior pluralidade. Isso porque, nas áreas semiáridas, ressaltamos a presença da agricultura familiar. Na Zona da Mata, local mais úmido, predomina o sistema agrícola baseado na monocultura de exportação.

A cultura mais expressiva é o hortifruti. O principal cultivo é o de frutas como o melão, a uva, a manga e o abacaxi. Além disso, a agricultura de subsistência também possui um importante papel.

Assim como a região Sudeste, a Nordeste também tem grande representatividade na produção de cana-de-açúcar. A região também exporta soja, saídas da Bahia e do Piauí, em menor expressão.

Região agrícola do Centro-Oeste

mapa centro oeste brasil

A região Centro-Oeste é a área em que a mecanização mais se expande. Essa expansão acontece em direção à Amazônia, o que pressiona a expansão da fronteira agrícola para o norte do país.

A Revolução Verde, expressão que se refere à invenção e disseminação de novas sementes e práticas agrícolas que aumentam a produção, foi responsável pela ocupação dos solos do Cerrado nesta região. Ela permitiu o cultivo de diversas culturas em seus solos de elevada acidez.

A região é composta pelos estados do Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Goiás e Distrito Federal. É uma região essencialmente agrícola. Esses quatro estados representam os maiores produtores de grãos do Brasil, com as culturas de soja, milho e arroz. Além disso, a produção de algodão também recebe um destaque nacional.

A soja é o principal produto agrícola da região, liderança, também, do Mato Grosso, como maior produtor local. O estado é o quarto maior produtor mundial de soja. O produto é o carro-chefe das exportações, com destino à China e aos Estados Unidos, além de abastecer o mercado interno.

Região agrícola do Norte

mapa região norte brasil

Por fim, a região Norte é uma das regiões agrícolas que tem se destacado por receber as principais frentes de expansão, vindas do Nordeste e do Centro-Oeste, como MaToPiBaPa (Maranhão, Tocantins, Piauí, Bahia e Pará). 

Por exemplo, é a área onde a expansão das atividades agrárias ocorre mais intensamente, o que torna a região Norte como o futuro centro de crescimento do agronegócio brasileiro.

As atividades mais praticadas nessa região ainda são de caráter extensivo e de busca por tecnologia, o que o torna um mercado promissor e de crescimento acelerado. Tem destaque na soja em expansão e em outros produtos, que passam a competir com o extrativismo vegetal que existe na região.
Em Rondônia, a produção de soja, milho e de gado abastece o território nacional. Já em Roraima, são produzidos bananas, laranjas e peixe, que são destinados ao mercado urbano de Manaus.

A digitalização das regiões agrícolas

Não há desenvolvimento sem tecnologia e inovação. Para que o Brasil siga evoluindo e desempenhando esse papel para a segurança alimentar mundial, é crucial que as regiões agrícolas tenham lavouras cada vez mais digitalizadas

Uma pesquisa realizada pela Embrapa em 2020 revelou que 84% dos agricultores brasileiros já utilizam pelo menos uma tecnologia digital no processo produtivo. O levantamento obteve informações de 504 produtores, em todos os estados brasileiros e no Distrito Federal.

O resultado é animador, mas ainda há um longo caminho rumo à ampla adoção da agricultura digital. Há entraves importantes, como a falta de uma infraestrutura adequada de conectividade. 

A boa notícia, de acordo com o estudo, é que os produtores estão buscando a digitalização. 95% deles manifestaram interesse por conhecer e adotar tecnologias digitais em suas fazendas.

Agora que você já sabe quais as principais regiões agrícolas do Brasil e o que é produzido ali, não deixe de buscar sempre as novidades do setor que surgem por lá. Dessa forma, você consegue manter suas atividades agrícolas com bom desempenho e qualidade de vida.

Gostou do conteúdo? Esperamos que sim! Nós, da Syngenta, buscamos trazer todas as informações necessárias sobre a agricultura do Brasil. Você pode conferir outros conteúdos que vão ajudar nesse processo. Confira! 

Leia mais da categoria:

Posts
4 min de leitura

Como atrair investimento estrangeiro para o seu agronegócio

Um dos objetivos principais de muitos empresários do agro brasileiro é, com certeza, contar com um investimento estrangeiro. Com essa parceria, além de conseguir um aporte financeiro, a empresa ganha mais presença no mercado. No cenário atual, onde há muita […]

Leia na íntegra
Posts
4 min de leitura
importancia-da-norma-regulamentadora-nr01-para-a-agricultura

Como a Norma Regulamentadora NR 01 pode ser aplicada à agricultura?

As Normas Regulamentadoras (NR) são relativas à Segurança e Medicina do Trabalho e sua observância é obrigatória por qualquer tipo de empresa, seja ela privada ou pública, e que possuem empregados regidos pela Consolidação das Leis do Trabalho – CLT. […]

Leia na íntegra
Posts
4 min de leitura
NDVI

Análises NDVI geram valor dentro do Cropwise Protector

Gerar inteligência agronômica a partir de dados é o objetivo de todo produtor que deseja levar mais eficiência para sua operação. O Cropwise Protector, ferramenta digital que está em mais de quatro milhões de hectares pelo mundo, permite que o agricultor acesse […]

Leia na íntegra